19 de abril de 2010

À conta do Amor, a grande maioria vai apanhando tremendas ressacas ;)

Coitada da palavra Amor que é, tantas vezes, usada por dá cá aquela palha e anda tão desgastada.
Será o amor eterno? Então porque será que não parece?
Porque a grande maioria acaba confundindo água com vinho.
Dirão alguns que se o amor é como a água, então não saberá a nada e deve ser muito desenxabido. Pode até parecer, mas a espécie humana não poderá sobreviver sem amor, tal e qual como sem a água que preenche 70% do nosso corpo e sem a qual morremos.
A moda pode ser o vinho, com as paixões assolapadas, hormonas ao rubro e vai de chamar amor, ao que acabará numa tremenda de uma ressaca e depois, o organismo, de cada um, acabará por o metabolizar, bastando, respirar, suar e urinar e, ainda, ficam admirados do amor ter acabado quando, na realidade, ele nunca existiu.
Hoje em dia, as palavras já têm pouco significado, dizem-se por dizer ou por ficarem bem no discurso de ocasião e momentos depois, muito convenientemente, poderão ser esquecidas.
No mínimo, tentem não estragar a palavra Amor, o pouco que, neste mundo, ainda tem valor e é tão indispensável como a água.
Uma coisa é certa, cada um é livre de escolher, entre água e vinho e até pode gostar, de andar sempre a ressacar, mas seria muito bom, seja homem ou mulher que não usasse a palavra errada quando quer, apenas, obter outra coisa qualquer ;)

8 comentários:

  1. Eu também hoje acordei com uma veia poeta, mas não como a tua... Beijinhos daqui para aí!!! Isabel Maria, tu também?

    ResponderEliminar
  2. Marota
    A veia poética não é a mesma porque tu és, Isabel Maria e eu sou, Maria Isabel lol

    ResponderEliminar
  3. Já estava a achar falta de uma travessura, ou será um doce, porque isto do Amor tem muito que se lhe diga!
    Entre água e vinho, sem dúvida que prefiro a primeira, até porque beber água faz bem, tal como o amor que faz bem quando é cristalino e puro como a água deve ser.
    O pior é a poluição que faz a água ficar turva e aí prefiro o vinho porque pelo menos ficamos "contentes" e esquecemos depressa esse amor "ardente".
    Beijinhos ;)

    ResponderEliminar
  4. Oi Isa!

    Perfeito!!!

    As pessoas confundem água com o vinho... e depois não aguentam a ressaca!

    Beijos

    Lia♥

    Blog Reticências...
    http://liaks25.blogspot.com

    ResponderEliminar
  5. Lia
    Obrigada pela visita e apareça mais vezes :t

    ResponderEliminar

  6. Com que então, às vezes vai mesmo vinho, com a desculpa que a água está poluida :-*

    ResponderEliminar
  7. O melhor é cada um beber o que quer, quando quer, e não ou, ou ! A questão é haver água quando se quer água e haver vinho, se se quer vinho ! :))
    .

    ResponderEliminar
  8. Rui da Bica
    Eu sou mais pela aguinha, já sei que não faz mal à saúde :D

    ResponderEliminar