13 de maio de 2010

Finalmente, hoje consegui entender certas atitudes ;)

Ainda bem que não vendem munições no Continente, nem naquele... perto de si ;)

12 comentários:

  1. Olá ISA!

    Ainda lá chegaremos um dia; quem sabe?
    Entretanto, lugares de "venda ao público", é coisa que por aí não falta ...

    Vitor.

    ResponderEliminar
  2. Pois, como te entendo... Tens uma lista? Eu tenho uma lista... Viva o Continente...

    ResponderEliminar
  3. Vítor Chuva
    As pessoas acabam por se cansar, desesperar e devem começar a pensar que se não vai a bem, tem mesmo que ir a mal :(

    ResponderEliminar
  4. ME
    Mais importante que a lista será melhor começar pelo Design da farda :D

    ResponderEliminar
  5. Isa:
    Tem calma aquilo ainda pesa muito, olha as tuas costa ]:)

    ResponderEliminar
  6. Mas a guerra gera mais guerra!
    ... e os senhores que vendem as armas, satisfeitos com os lucros!

    ResponderEliminar
  7. Será que qualquer coisa do género resolve o nosso problema ?
    Ele é muito mais vasto, que limitado a nós mesmos !...
    .

    ResponderEliminar
  8. Fê-blue Bird
    A farda tem muitos bolsos, onde posso enfiar muitas caixas de Adalgur N lol

    ResponderEliminar
  9. Rui da Bica
    Por acaso, agora, também estão a resolver algum dos nossos problemas? Só vejo arranjarem-nos mais problemas e andarem, só, a resolver os deles :D

    ResponderEliminar
  10. LS
    Nós não precisamos de comprar nada aos fabricantes de armas, o português sabe desenrascar, umas latas de sardinhas (vazias), uns cabos de vassoura, mais uns caroços de azeitonas e voilá uma G3 à portuguesa lol

    ResponderEliminar