31 de julho de 2010

Já que falei de livros de férias, aqui vai outro exemplo que me acompanhou há uns anos, tão cómico mas tão real ;)

(clicar na imagem para ampliar)
Maitena
, humorista de jornais como El País (Espanha), La Stampa (Itália), Le Figaro (França), La Nacion (Argentina) ou talvez, ainda se lembrem dela do jornal Público.
Esta sua tradução do Livro original "Mujeres alteradas 2" devo tê-la desde 2002, ainda muito actual ;)

8 comentários:

  1. Tudo o que nos faça rir é saudável.

    ResponderEliminar
  2. Observador

    Eu tento não perder o humor, mas está cada vez mais difícil :-*

    ResponderEliminar
  3. Mulher soooofreee !!! ... Não tenho dúvida que é o sexo forte ! :))
    .

    ResponderEliminar
  4. O humor é uma coisa, um estado de espírito.
    E perder essa coisa é deixar para trás um pouco de nós.

    Am I right?

    ResponderEliminar
  5. Observador

    Não podia estar mais... right lol

    ResponderEliminar
  6. Rui da Bica

    Pura verdade, eu só nasci mulher porque não tive opção de escolha, uma coisa muito pouco democrática lol lol

    ResponderEliminar
  7. O humor da Maitena é fascinante, mas nada há melhor do que a Mafalda

    ResponderEliminar
  8. Carlos Barbosa de Oliveira

    Nem sempre Quino, nem sempre Maitena, só sei que o humor faz muita falta nas nossas vidas e deve ser dos trabalhos que vão ficando, cada vez, mais difíceis.

    ResponderEliminar