5 de setembro de 2010

Aconteceu novamente ;)

Este meu post é, apenas, um comentário que deixei a um post do Miguel porque, por vezes, acontece que me entusiasmo demais e acabo por deixar comentários looooongos :))))

"Ainda há pouco tempo, vi um programa em que cientistas falavam que a nossa predisposição para a felicidade estaria ligada ao ADN, coisa que não vejo motivos para discordar, pois os nossos genes já vêm programados para tanta coisa, mesmo com a predisposição para determinadas doenças, que esta seria, entre muitas, apenas, e só, mais uma coisa.
Assim, 50% da felicidade seria genética e, depois, apareciam outras percentagens como ter emprego, saúde, uma família saudável,...
Ora chegando à parte que achei interessante e com a qual concordo completamente, é que a partir de uma certa proporção de dinheiro e de coisas, eles afirmavam que, com elas, não se conseguia aumentar mais, o grau de felicidade.
Quando observo pessoas com tanto que, francamente, já nem sabem bem o que têm, não as vejo loucas de felicidade, bem pelo contrário, ao seu redor juntam-se uma série de problemas e "aves de rapina" que nem saúde lhes devem dar, quanto mais felicidade ;)
Tudo isto, para concordar que haverá um limite para possuir coisas e que, a partir dele, não será possível ser mais feliz e que apenas servirão para escravizar essa pessoa e lhes roubar tempo, coisa que nesta vida é preciosa, por não sermos eternos.
Mas vá-se lá dizer isto a muita gente que por aí anda e que consegue trocar todo o tipo de valores não palpáveis, na minha opinião mais valiosos, por mais uns milhões que servirão, talvez, para dar felicidade a algum paraíso fiscal que adorará... usufruir do dinheiro dos gananciosos ;)"

18 comentários:

  1. A genética dos portugueses é triste... A pergunta que fica no ar, é se os políticos conseguem mudar a genética. A tristeza nacional é causada em parte pelos políticos que temos.

    ResponderEliminar
  2. polittikus

    Acho que os exemplos são mais importantes que qualquer tipo de palavras e alguns políticos (muitos), fazem parte dos que dão muitos maus exemplos de mau carácter, ao serem desonestos, mentirosos, trafulhas, sem ética nem moral.

    Bjos

    ResponderEliminar
  3. Olá Isa,

    por comentários longos... o que tem sido feito de si, cara amiga?

    Bjnho

    ResponderEliminar
  4. Concordo com o que dizes sobre os exemplos, especialmente daqueles que pelo seu mediatismo político ou artístico acabam por influenciar grandes massas, raramente de forma positiva. Gostei do post, como do comentário, afinal, o que pretendia alcançar com a fotografia que tirei. Sobre as postagens que derivam de comentários feitos ou apenas começados noutros blogues, já lhes perdi a conta. Quando dou por mim já estou tão entusiasmado que tenho transformo um comentário numa postagem. Bom fim de semana. Bjs.

    ResponderEliminar
  5. Isa,

    A Formula da Felicidade foi, é e sempre será difícil de descobrir ...

    Mas as maiores formulas da infelicidade foram inventadas pelos políticos ...!

    Bjks da M&M & Cª!

    ResponderEliminar
  6. Bartolomeu

    Só voltei há dois dias, andei em período de meditação :D
    Agora a sério, andei com muitas coisas para pensar e resolver, o astral andou em baixo, nada mais que os comuns problemas... de quem está vivo :-]
    Sei que vou ter muito menos tempo para andar por aqui, mas lá arranjarei uma maneira de cá vir.

    Bjos

    ResponderEliminar
  7. Miguel

    E não sei porquê, nem que interruptor usas lol mas nos teus posts tenho que ter cuidado ou acabo por me entusiasmar nos comentários :-]

    Bjos

    ResponderEliminar
  8. Olha o que aconteceu com as herdeiras do Tomé Féteira!
    Uma foi assassinada e a outra nunca mais consegue pôr a mão na fortuna do pai! E, embora, tenha muito, não me parece muito feliz...
    Há tristezas e tristezas!
    Há dores tão imensas que nada têm a ver com a política...

    ResponderEliminar
  9. Miguel (M&M & Cª)

    Isto são tantos Migueis :D que tenho que começar a identificá-los à partida :-], já me aconteceu estar a dar uma resposta ao Miguel errado lol, mas como não gosto de repetir o mesmo erro, gosto de variar xD agora tenho muito cuidado.
    Depois desta pequena introdução, concordo que os políticos têm muita culpa, mas também nós porque o ser humano adora complicar.
    Vê o exemplo do dinheiro, ele nasceu com a finalidade de facilitar as trocas comerciais, agora ele transformou-se no maior problema da Humanidade e é usado para todo o tipo de corrupção ou enfiar em paraísos fiscais que não servem a economia nem as sociedades e os seus povos.
    O Mundo fica cada vez pior por culpa da grande maioria dos seres humanos que, apesar de saberem que morrem e não levam nada, material, desta vida teimam em ter mais olhos que barriga ;)

    Bjos

    ResponderEliminar
  10. Rosa dos Ventos

    Bons exemplos dás e já bastariam as Catástrofes Naturais e as Doenças para o ser humano ter problemas de sobra, mas a sua mesquinhez é infinita, quer ter mais do que aquilo que vai precisar para além de toda a sua vida e aí, com tanta ganância, vêm as guerras, a corrupção, a destruição do Planeta Terra que será a maior estupidez de todas x-(
    Uma sociedade sem valores para além do dinheiro e do ter coisas, nunca poderá ter sucesso.
    Uns poderão ter sempre mais do que outros, mas nunca à custa de espezinhar e roubar os outros ou ter leis especiais, feitas à medida só para alguns.

    Bjos

    ResponderEliminar
  11. Cá para mim, essas pessoas dos milhões, conseguiriam aumentar a sua quota de felicidade se começassem a distribuí-los a quem precisa...

    ResponderEliminar
  12. luisa

    Não será estranho que, de repente, nos EUA vários milionários vão doar as suas fortunas, parte em vida e outra muito maior quando morrerem, acho que ainda há uma esperança de ver o ser humano crescer ;)

    Bjos

    ResponderEliminar
  13. Isto da felicidade é tudo muito relativo. Desde que o meu copinho que aqui está à minha frente, tenho andado muito feliz. Não sei se é da felicidade em si ou se só é causa do meu Rieslingschorle ;) Jinhos duma Marota feliz...

    ResponderEliminar
  14. Não sei muito bem o que diga...
    Bom domingo.

    ResponderEliminar
  15. Marota

    Ora a questão é que a Felicidade não é ilimitada e, a partir de um certo ponto, não cresce mais por lhe acrescentar mais e mais dinheiro ou coisas materiais :D

    Bjos e se te faz feliz bebe lá o teu suco de Riesling lol

    ResponderEliminar
  16. São

    Aqui podia repetir o mesmo que disse à Marota ;)

    Bjos

    ResponderEliminar
  17. Observador

    A AR está em aquecimento, a verdadeira Peça só entra em cena para a semana lol

    E quanto a smiles... :t

    ResponderEliminar