22 de maio de 2010

Alguns conselhos e o que não deve fazer, se tiver a sorte de ir a uma entrevista de emprego

18 comentários:

  1. E logo agora, que há poucos empregos!

    ResponderEliminar
  2. Eu conheço um especialista, que estava a gostar do conforto do desemprego e não queria começar a trabalhar. Quando recebeu uma convocação do serviço de desemprego para uma entrevista duma firma que procurava alguém com a profssão dele, ele apareceu assim à entrevista:

    Na noite antereior à entrevista, temperou o jantar com muito alho.

    Pôs todos os documentos necessários para a candidatura (diplomas, CV, etc.) num saco de plástico da Lidl todo esfarripado.

    Foi de mota à entrevista com o fato de cabedal e apareceu no escritório da entrevistadora com o capacete e o fato de couro cheios de cadaveres de insectos esborrachados, o capacete pô-lo logo em cima da secretária bem em frente à entrevistadora.

    Ia muito bronzeado e quexava-se constantemente da coluna.

    Isto é verdade e nem exagerei um bocadinho - mas o aúge da história ainda não vos contei.

    Jinhos - Marota

    ResponderEliminar
  3. rsrsrs, kkkkkk, lollollol
    É isso... se tiver a chance de ir a UMA entrevista de emprego!!!! Bom final de semana.
    Beijuuss n.c.

    www.toforatodentro.blogspot.com

    ResponderEliminar
  4. Existem imbecis em todos lados, nunca pensei é que fossem tantos... lololololol

    ResponderEliminar
  5. almighty yellowphant
    Foste tu que me viciaste nestes vídeos lol

    ResponderEliminar
  6. LR
    Por isso mesmo, está apropriado :D

    ResponderEliminar
  7. Marota
    Ele consegue ser meeeeesmo maroto, mas tu também és marota por não contar o resto.
    Será que fez chi-chi na sala? lol lol
    Bjos

    ResponderEliminar
  8. Regina Rozenbaum
    Obrigada pela visita e bom fim de semana.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  9. polittikus
    Assim, não são obrigados a aceitar emprego, segundo a nova norma do subsídio de desemprego, porque nimguém lhes deve dar nenhum lol

    ResponderEliminar
  10. Tenho a impressão que haverá muita gente que nestas situações (se convocada pelo "Desemprego") procederá de forma parecida (não tão exagerada) só para NÃO conseguir o emprego. O subsídeo de desemprego, sem trabalhar é muito melhor !
    Trabalhar, tem horários, deslocações, tem que se comer fora e dá muito trabalho :)))

    Vamos fazer força para a Marota contar o resto !
    rsrsrs
    Não há dúvida que é bem engendrado :))

    ResponderEliminar
  11. Rui da Bica
    Qualquer dia nem emprego, nem ordenado que se veja e até vamos ver as pensões a minguar :-|

    ResponderEliminar
  12. Bom dia Portugal!
    Bem, não sei se realmente o que para mim seja o aúge desta história o seja também para vocês. ]:)

    ResponderEliminar
  13. Ok eu conto tudo... foi este artista que eu escolhi para marido :-*, já conhecendo esta e outras hitórias... eu sempre fui muito masoquista...

    ResponderEliminar
  14. Marota
    Como artista dos Bordados e das Pinturas, faltava um Actor na família e tu zás-catrapás lol lol

    ResponderEliminar
  15. Ó marota, seria suposto que isto não era para rir, mas desculpa lá, que apetece mesmo. rsrsrsrs
    .

    ResponderEliminar
  16. Rui da Bica
    De vez em quando temos de rir senão...dá-nos o treco e depois quem é que vai pagar os submarinos, os helicópteros,... aquelas coisas todas que nos fazem tanta falta lol

    ResponderEliminar